Como tudo começou

26/03/08

CONVIDO A CONHECER:

MARIA KEIL

E

A ASSOCIAÇÃO PARA A PROMOÇÃO CULTURAL DA CRIANÇA









Tenho na minha mão um calendário para 2008. Mas este não é um Calendário qualquer, já que, além de nos mostrar os dias e os meses tem duas componentes mais, bastante importantes:_É dedicado à APCC (ASSOCIAÇÃO PARA A PROMOÇÃO CULTURAL DA CRIANÇA) e, tem ilustração de Maria Keil.

Esta Associação desenvolve actividades sócio-culturais e educativas há vinte e cinco anos; campos de férias, intercâmbio de jovens, formação de animadores, projectos de cooperação com países de expressão portuguesa, edição de livros e jogos educativos.

O seu objectivo é contribuir para o desenvolvimento das crianças e jovens, promovendo o seu sentido de justiça, de respeito pela diferença e de responsabilidade, e motivando-os para uma participação activa e constructiva na vida social. As actividades da APCC regem-se pelos princípios da solidariedade, igualdade, cooperação e defesa do ambiente.

Quanto a Maria Keil é um nome que logo nos trás à ideia um vasto leque de actividades ligadas à arte. Tendo nascido em Silves veio para Lx. em 1929 para estudar Pintura na Esc, Sup.das Belas Artes e, aos vinte anos começou já a dar a conhecer o seu talento, o qual, mais tarde,se viria a afirmar em pleno, em diversas frentes:_ Pintora, ilustradora, designer gráfica, figurinista, cenógrafa, autora de tapeçarias, ceramista, chegando até, em 1997, a experimentar a fotografia. Mas foi sobretudo na pintura em azulejos que o seu espírito criativo mais se evidenciou. São nada menos que 19, as estações do Metropolitano de Lx, em que na década 50/60 ela colaborou.

Uma das mais bonitas obras que dela conheço é "O Mar", onde predominam os azuis e tem como figura central um pescador, painel este, que podemos admirar do lado nascente, na Av. Infante Santo. Para o caso de alguém estar menos lembrado aqui lhe deixo, numa foto, um excerto do mesmo. Mas, claro, este é apenas uma das suas obras, entre tantas mais espalhadas pelo país e estrangeiro!

Fez ilustrações de livros infantis que são cheias de expressão e ternura, mas, não se deixou ficar por aí, escrevendo e publicando também, ela própria, quatro histórias que igualmente ilustrou.

É, neste momento, uma senhora que já ultrapassou os noventa anos mas que, podem crer, conserva aínda um rosto e um olhar de menina, e uma vivacidade e uma simpatia de trato pouco comuns. Aínda desenha e é uma pessoa extremamente interessada em tudo o que a rodeia.

O pouco que lhes disse decerto lhes deixou vontade de conhecerem mais sobre este nome grande da Arte que é Maria Keil.

M.A.

1 comentário:

Red Woman disse...

Já tem lá a resposta devida! :))

Beijos

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização