Como tudo começou

24/04/08

SIMBOLOGIA DA BANDEIRA PORTUGUESA



Desde os primórdios da Fundação de Portugal até ao fim do regime monárquico, foram inúmeras as bandeiras que tivemos. Cada um dos reis foi sempre escolhendo um símbolo representativo diferente. Dado que, uma vez mais, este é um tema vastíssimo para abordar aqui no blog limitar-me-ei a falar apenas da bandeira actual.

Foi esta bandeira, instituída em Novembro de 1910, pouco depois da implantação da República em Portugal (5 de Outº. de 1910).Houve um grande debate para decidir se iriam manter-se as cores azul-branco da monarquia ou se adoptaria o verde-vermelho do Partido Republicano Português. Prevaleceu como já adivinharam a mudança de cores para a nova bandeira, tendo sido a mesma criada e desenhada por Columbano Bordalo Pinheiro, João Chagas e Abel Botelho.

Em 30 de Junho de 1911 fez-se então o seu anúncio oficial. Seguidamente foram logo confeccionadas em larga escala e distribuídas por todo o país para, logo, serem hasteadas em todas as repartições no dia 1 de Dezembro, feriado, que se tornou, na altura, o Dia da Bandeira.

Embora tivesse havido quem discordasse da forma como todo este processo se desenrolou o certo é que, ainda hoje, é este o símbolo considerado nacional.

A bandeira é rectangular (2:3), bipartida de verde e vermelho, ocupando a primeira cor ( a que fica junto à haste) dois quintos da largura e a segunda cor os restantes três quintos. Centrado na divisão o Brasão da República, constituído pelo escudo, em formato “português”, sobreposto a uma esfera armilar, cujo diâmetro deve ser igual a metade da altura da bandeira.
Naquilo que me pareceu essencial encontrei uma certa uniformidade. Noutros pormenores há ligeiras diferenças entre os vários autores que consultei..
Posto isto, aqui vai o que pesquisei, quando ao significado das cores e demais elementos que compõem a nossa bandeira:

-Cor Verde: O verde no ideário positivista e republicano (Sec.XIX e XX), simboliza as nações que são guiadas pela ciência. Na versão popular simboliza a esperança no futuro.

-Cor Vermelho rubro: O vermelho é a cor das revoluções democráticas que, desde o Sec. XVIII percorreram a Europa, como a revolução de 1848, a Comuna de Paris (1871) ou a revolução republicana em Portugal, de 31 de Janeiro de 1891. Simboliza a luta dos povos pelos grandes ideais de Igualdade, Fraternidade e Liberdade. Na versão popular simboliza os sacrifícios do povo português ao longo da sua história; a coragem e o sangue dos portugueses mortos em combate.

-Esfera armilar: Emblema do rei D. Manuel I, “O Venturoso”, (1469-1521) e que desde então se manteve presente nas bandeiras de Portugal. É amarela, orlada a preto e simboliza o Universo e a vocação universal dos portugueses. Na versão popular simboliza os descobrimentos portugueses, o mundo que os navegadores portugueses descobriram nos Sec XV e XVI e os povos com quem trocaram ideias e comércio.

-Escudo: O Escudo de Armas, em encarnado, remete para a fundação de Portugal. Simboliza a afirmação da cultura ocidental no mundo e, em particular, dos seus valores cristãos. Os castelos, as quinas e os besantes evocam conquistas, victórias e lendas ligadas à fundação de Portugal por D. Afonso Henriques “O Conquistador”(1109-1185).

- As 5 quinas azuis simbolizam os 5 reis mouros que o mesmo D. Afonso Henriques venceu na Batalha de Ourique.

- Os pontos brancos dentro das quinas, também denominados besantes, simbolizam as 5 chagas de Cristo. Uma lenda conta que Jesus Cristo apareceu a D. Afonso Henriques, antes da Batalha de Ourique e lhe terá prometido a victória. Contando as chagas de todas as quinas e duplicando as da quina do meio, encontramos a soma de 30, representando os 30 dinheiros que Judas recebeu por ter traído Cristo.

- Os 7 castelos, de cor amarela, simbolizam as localidades fortificadas que o nosso primeiro rei conquistou aos mouros.

Muito sucintamente é isto que, no seu conjunto, representa pois a nossa Bandeira Nacional.

M.A.

6 comentários:

Fatima disse...

Excelente lição Amélia. Obrigada

Anónimo disse...

Conheço uma pessoa que tem sempre a bandeira Portuguesa na sala, o filho quando vê o tapete do rato, que tem uma bandeira portuguesa, diz "papá".
Vou fazer um print desta descrição,para enviar a essa pessoa. Obrigada Amélia, boa pesquisa.

Anónimo disse...

a minha prof dou me as descriçoes da bandeira nacional e nao é assim

Íris disse...

Está mesmo muito bom =) Foi uma optima ajuda para o meu trabalho! Sim senhor, tá de Parabens =) beijinho grande

M.A. disse...

Curiosamente, este post publicado em Abril de 2008 ainda merece, tres anos depois, a atenção e comentários dos nossos leitores, o que é para nós bastante gratificante.A todos agradecemos a visita.
Quando abordamos um qualquer tema temos sempre a preocupação de fazer alguma pesquisa e transmitir o que nos pareça corresponder à realidade. Mas, efectivamente, nem sempre é possivel agradar a gregos e troianos... Bem haja a todos. Voltem sempre.

Anónimo disse...

foi uma optima ajuda, a minha professora ate ficou com os biquinhos das mamas arrebitados (.)(.) obrigado...

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização