Como tudo começou

19/07/08

COLCHA DE CROCHÉ GIGANTESCA


A colcha de croché gigantesca que foi pendurada este sábado na Ponte D. Luís, no Porto, demorou seis meses a ser confeccionada por cerca de mil mulheres todas oriundas do concelho de Santa Maria da Feira, noticia a Lusa.
«Varina» é o título da instalação criada pela artista Joana Vasconcelos no âmbito do Imaginarius - Festival Internacional de Teatro de Rua de Santa Maria da Feira.
«É uma homenagem às mulheres do povo e cria uma dinâmica de intercâmbio com a paisagem envolvente, redefinindo e estimulando as tradicionais relações entre a arte e o tecido social, em clara comunhão com o espectro paisagístico - arquitectónico e natural - envolvente», afirmou à Agência Lusa Joana Vasconcelos.
A colcha com 35 por 15 metros pretende afirmar a vocação metropolitana do Imaginarius, que decorreu em Maio.
A artista já havia decorado no passado ano a torre de menagem do Castelo da Feira, num projecto intitulado «Donzela».
Na altura, cerca de 500 mulheres daquele município - sob a supervisão de Joana Vasconcelos - confeccionaram uma colcha com 7,8 por 4,55 metros também em croché, que ficou suspensa no exterior da fortaleza, «seguindo a tradição, associada às procissões, de ornamentar as janelas e varandas com as melhores colchas».
«A Varina vem dar continuidade à Donzela, compreendendo também a produção de uma colcha monumental, em croché, elaborada artesanalmente, com a colaboração activa da população feminina local», disse Joana Vasconcelos.
Segundo o vereador responsável pelo pelouro da Cultura da autarquia, Amadeu Albergaria, a iniciativa representa «o envolvimento da população numa actividade cultural já com raízes na região».
«Colocar um trabalho criativo desta envergadura num local tão emblemático, como é a Ponte D. Luís I, é o reconhecimento a todos aqueles que contribuíram para a sua confecção, para além de afirmar a vocação metropolitana do Imaginarius», acrescentou o autarca.
A instalação «Varina» foi inaugurada este sábado,dia 19. na Ponte D. Luís I, pelas 16h00, e ficará suspensa até 31 de Julho.
(IOL – Portugal Diário)
M.A.

3 comentários:

Gi disse...

Eu vi na televisão. :)
E que bem que finca a ponte com mais uns rendilhados. Vamos ver se se aguenta intacta até ao fim do mês.

M.A. disse...

Esta artista plástica tem apresentado umas coisas curiosas e insólitas lá pelo Porto.

Francisca disse...

Também vi na Televisão, não sei se mostraram a colcha em pormenor, gostava de observar o rendilhado. Há uma forma é ir lá.

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização