Como tudo começou

29/04/09

CATAVENTOS

(Clique para ampliar)

De há uns tempos para cá vejam para o que me deu: _Andar de nariz no ar! Não propriamente naquele sentido de andar “de nariz empinado” que isso não faz muito o meu género mas sim na descoberta de cataventos, aqueles ornamentos em ferro, colocados na parte mais alta dos telhados das casas e que servem para nos indicar a direcção do vento.



Hoje em dia podemos dizer que são talvez mais uma “espécie em extinção” porque, apenas em casas de construção mais antiga ainda os conseguimos descortinar.

Digo-vos que, na volta que dei para fazer fotos de alguns, igualmente vi outros em franca degradação. Nos edifícios mais recentes penso que já ninguém se lembra de colocar cataventos.


Não me vou alongar sobre a origem e história dos cataventos através dos tempos porque, na pesquisa que fiz encontrei no “Mirandela Município”um trabalho tão interessante sobre este assunto que optei logo por vos recomendar que, clicando aqui, o leiam também.

Fotos da autora do post:
1- Palácio Anjos em Algés
2-Tribunal do Trabalho, em Coimbra
3-Antiga Fábrica de Cordoaria da Marinha, Lisboa
4-Basílica da Estrela, Lisboa
Seguintes, vivendas nas zonas de Pedrouços e de Algés

M.A.




8 comentários:

Fatima disse...

Ora aqui está um objecto de que gosto muito.

Gi disse...

Eu adoro cataventos; também tiro imensas fotos a tudo que cata o vento.

mjf disse...

Olá!

Ás vezes passamos e não vemos...porque não os procuramos :=)

Beijocas

Quica disse...

Também existe uma expressão "és um autêntico cata vento".
Estes objectos que se colocavam no topo dos telhados, normalmente tinham a figura de um galo.
E, dávam-nos a informação da direcção do vento.
Agora os cataventos do século XXI são as girândolas, aproveitando a força do vento, afastam os fumos das chaminés.

pedro oliveira disse...

E os cataventos politicos,ui,ui...

porque sei que não gosta de injustiças,muito menos com crianças, convido-a e aos seus fieis leitores a indignarem-se com isto:
http://vilaforte.blogs.sapo.pt/160753.html

José disse...

Olá,

Quando eu era pequenino e andava na primária, os professores falavam nos cataventos.
Será que ainda falam...?

Cumprimentos,

José

Fatima disse...

Hoje vi um muito bonito em Algés. Passo há anos naquela rua e nunca tinha reparado nele.
Não deu para fotografar. Não consegui estacionar...

M.A. disse...

Por vezes o recordar de algum objecto serve de chamada de atenção para que outros lhe prestem nova atenção.Depois de ter eu andado de nariz no ar para fotografar os cataventos passaram os leitores a fazer o mesmo.Se acaso nos quiserem enviar fotos com todo o gosto as publicaremos.

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização