Como tudo começou

22/02/08

ARISTIDES SOUSA MENDES

Diplomata ( 1885 – 1954 )

Aristides de Sousa Mendes, Nasceu em Cabanas de Viriato em 19 de Julho de 1885 e faleceu em Lisboa em 3 de Abril de 1954.

Recusou-se a acatar as ordens do seu governo (o regime de Salazar), e concedeu vistos a refugiados de todas as nacionalidades que desejavam fugir de França em 1940, ano da invasão de França pela Alemanha nazi.

Na 2ª Guerra Mundial Aristides salvou dezenas de milhares de pessoas do Holocausto.

Foi o "Oskar Schindler Português" comparação pouco digna, uma vez que Arstides salvou um número de pessoas muito superior a Schindler.

Saiba tudo sobre este notável Português no museu virtual

FC

5 comentários:

Gione disse...

Graças ao programa da RTP1 sobre os maiores portugueses, este senhor lá teve um pouco mais de visibilidade;

Agora criou-se este museu virtual;

Item a item se preenche uma lista :)

Fatima disse...

Gi obrigada por teres colaborado com o nosso blog e por me teres enviado este link.
Tudo é um bocadinho assim como dizes item a item se preenche de facto uma lista.

felixcomosempre disse...

E é isto a cultura, o que fomos, o que fazemos... o descortinar da bruma ofuscante da actualidade.

Continuem o vosso excelente trabalho.

Abraços
Miguel

pensamentosametro disse...

È uma pena a falta de "atenção" dos governos para estas pessoas. Em minha casa foi sempre mencionado com carinho, conheço este nome desde muito pequena não fossem as minhas origens as que são e provávelmente seria mais uma a não saber quem foi.

Bjos

Tita

M.A.R. disse...

Num programa que passou na TV sobre este Diplomata, foi mencionado que chegou a ir com a sua família comer a chamada "Sopa do Sidónio". Para quem desconheça o termo, trata-se da refeição gratuita servida aos pobres.Assim foi chamada por ter sido criada pelo Presidente Sidónio Pais. Aínda hoje se mantém, junto da Igreja dos Anjos, em Lx.

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização