Como tudo começou

29/03/08

GASTRONOMIA

Manuel Natário herdou o negócio do seu pai em 1950. Tratou a sua arte como poucos.

A sua pastelaria, situada no coração de Viana do Castelo, na Rua Manuel Espregueira, Nº 37 é um promontório da doçaria e do bom gosto culinário.
Soube colocar a subtileza nos mais simples adornos pasteleiros.

Manuel Natário era afável, atencioso, desfrutava e exibia imponentemente um porte obeso, essa ancestral e habitual silhueta dos pasteleiros.

Foi aqui que o mestre pasteleiro ergueu as melhores bolas-de-berlim do Mundo:
toscas, como objectos paridos da terra;
pequenas, condensando uma implosão de riquezas gustativas;
recheadas, com um vital creme gemado;
quentes, exalando o sabor oriental da canela.

Todos os dias os fregueses esperam pacatamente nas filas, pelas “Bolinhas”.

São ainda divinais:

as empadinhas de lampreia com massa folhada quanto baste, trabalho artesanal de convento, os rissóis de camarão, os bolinhos de bacalhau, os croquetes de carne, os folhados de carne e de camarão, os vigaristas, a bola de carne com vitela e o inigualável pão-de-ló eram algumas das suas especialidades que deverão ficar para o futuro, como se de uma herança patrimonial se tratasse

Um dia, Jorge Amado e sua mulher Zélia Gattai, foram a Viana do Castelo para assistir à Festa d’Agonia, visitaram o "santuário de Manelzinho Natário" e "ficaram fregueses". Levaram o pão-de-ló para o Brasil, para que o presidente Sarney o experimentasse. Foram muitos os pães-de-ló que emigraram até ao Brasil, expressamente para o Palácio da Alvorada

Jorge Amado fez de Manuel Natário personagem importante do seu romance, Tocaia Grande, na figura destemida de "Capitão Natário", a que chama de "capitão de doces e salgados, comandante do pão-de-ló, mestre do bem-comer".

"a cultura não se faz só com grandes escritores, nem só com a pintura, escultura, cinema ou teatro, senão, que junto a elas e ocupando um lugar não menor, devemos situar a culinária: a arte de bem-fazer, para que se coma bem".

Jorge Amado

Esta receita não é certamente “a famosa”, mas fica como sugestão

Pão-de-ló


Ingredientes:

  • 12 gemas ;
  • 4 claras ;
  • 250 g de açúcar ;
  • 150 g de farinha

Confecção:

Batem-se os ovos com o açúcar (25 minutos com batedeira eléctrica e 45 minutos à mão). Adiciona-se depois a farinha em chuva suave e continua a bater-se até perfazer o tempo, isto é, 35 minutos à máquina e 1 hora à mão.
Forra-se com quatro folhas de papel cavalinho uma forma com buraco no meio, unta-se, deita-se dentro a massa e leva-se a cozer em forno bem quente. Quando o pão-de-ló estiver bem crescido e fofo, reduz-se o calor e, se for preciso, tapa-se com papel.
A cozedura leva entre 30 e 40 minutos.

A cozedura descrita refere-se à efectuada em fornos domésticos eléctricos ou a gás. Contudo o pão-de-ló fica muito mais bem cozido nos chamados fornos de padeiro, aquecidos a lenha. Neste caso, o pão-de-ló é cozido dentro de uma tigela de barro não vidrado, no centro do qual é colocada invertida uma tigela pequena. A forma é forrada com papel como se disse. As pontas do papel são viradas para dentro e o conjunto é tapado com uma tigela igual à que serve de recipiente.

FC

7 comentários:

Anónimo disse...

Já pensaram fazemos uma viagem até Viana do Castelo, é terra que nunca visitei. Vamos de combóio, para não ser tão cansativa a dita. Aproveitamos para apreciarmos o pão de ló famoso. Francisca

Gione disse...

Havia de ir a Viana ;)

Anónimo disse...

Gi, com a sua máquina fotográfica, companhia indispensável nos nossos passeios, havemos de ir a Viana! Francisca

Fatima disse...

No próximo fim de semana de 3 dias, querem?

Red Woman disse...

Isso foi vingança por eu ter feito o "post" do Bolo de Banana?
É caso para dizer...

Revenge has a sweet taste!

Eheheheh

Ai adoro essas bolinhas! ADORO ADORO ADORO!

Beijos

Fatima disse...

Red não é vingança, mas se fosse a causa era justíssima.
Estas bolas... e quem não gosta!!????

M.A.R. disse...

Hei-de vê-las todas "gordinhas" como as tais bolas de Berlim!...

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização