Como tudo começou

11/01/09

VISITA A CINEMAS ANTIGOS DO PORTO


Na sequência daquilo que dissemos em 10 de Outubro de 2008, sobre cinemas antigos de Lisboa (clique aqui para recordar) retomamos o tema para falar de alguns, também antigos cinemas, da cidade do Porto. É que, como seria natural, na cidade nortenha, surgiram também salas de exibição desde os primórdios da indústria distribuidora e de exibição de filmes.








Logo na primeira década de novecentos surgiram o salão Pathé, aberto em 1907, o Au Rendez-vous d’Élite, na Foz 1907, o Salão-Jardim Passos Manuel, de 1908, o Jardim Trindade e alguns mais. Além destes, muitos outros surgiram para ficar na memória colectiva da cidade nortenha: o Olympia 1912 , com a sua fachada emblemática de ferro e vidro, o Júlio Dinis anos 40, o Vale Formoso, o Rivoli 1926, o Sá da Bandeira 1906 (antigo Teatro Príncipe Real), O S. João 1931, e o Coliseu 1941.



Julgo que o mais antigo foi o Salão High-Life de 1906. Este, veio a dar lugar, em 1947, ao Cinema Batalha, do Arq. Artur Andrade, e que, na opinião de José Manuel Fernandes, teria sido um “marco de modernidade e resistência cultural ao salazarismo, com o vasto e arrojado envidraçado curvo e os destruídos frescos de Júlio Pomar…” Aqui ficam algumas das antigas salas de cinema para recordar.
Nos anos 40 e 50 o cinema institui-se definitivamente como espectáculo, a um tempo urbano e popular por excelência. Erguem-se as maiores e melhores salas em edifícios de prestígio, luxuosos e cosmopolitas, a par de outras construções mais práticas e elementares, mas, nem por isso menos apelativas para os apreciadores das produções das “fábricas de sonhos”.

(Excerto e fotos (Olympia, Rivoli e Batalha) de artigo publicado na revista do Club do Coleccionador.
Fotos: Salão Jardim Passos Manuel, Jardim Trindade, Águia d’Ouro, Júlio Dinis, Coliseu e Sá da Bandeira, da Net
Ordem das fotos Salão Jardim Passos Manuel, Jardim da Trindade, Sá da Bandeira, Águia d'Ouro, Olympia, S.João, Júlio Dinis, Coliseu e Batalha
)
M.A.

3 comentários:

Si disse...

Foi no Vale Formoso e no Águia d'Ouro que vi pela primeira vez cinema - 'Caixinha de Surpresas' e 'Dumbo', ambos da Disney.
Doi ver que, agora, ambas as estruturas nada têm a ver com o que eram, com o Vale Formoso na posse da Igreja Universal e o Águia votado ao abandono....

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Bela visita que me proporcionou às salas onde aprendi a gostar de cinema!

M.A. disse...

Também eu me criei por aquelas bandas. E, como sou do tempo em que não havia idade mínima para as crianças irem aos espectáculos acompanhei muitas vezes os meus pais a algumas destas salas. Senti mesmo saudades no fazer deste post, acreditem!

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização