Como tudo começou

09/02/09

CÁRMEN MIRANDA NASCEU HÁ 100 ANOS



Cármen Miranda foi o nome artístico escolhido por Maria do Carmo Miranda da Cunha, uma portuguesa nascida em Marco de Canaveses em 9 de Fevereiro de 1909.
Indo bastante jovem para o Brasil, ali começa uma carreira artística que iria continuar depois, nos Estados Unidos, entre as décadas de 1930/1950.

Trabalhou na rádio, teatro de revista, cinema e televisão. Era mulher de baixa estatura o que a levava a usar saltos de sapato altíssimos. Vestia de forma bastante exótica e aparecia quase sempre com turbantes na cabeça. Ele tornou-se mesmo a sua imagem de marca. Os turbantes que usava em cena eram exuberantes de cor, com múltiplos enfeites de frutos e flores. Diz-se que foi, na época, a artista com o salário mais alto, até então, pago nos U.S.

Pela pressão a que Cármen Miranda esteve sujeita, quer pelos espectáculos contínuos, a fama que atingiu, e ainda por problemas conjugais, ela entrou num estilo de vida que em pouco tempo lhe arruinou a saúde e a levou à morte em 5 de Agosto de 1955, em Beverly Hills.

Recordo-a em vários filmes musicais americanos em que ela aparecia, como figura de relevo, cheia de vida, cantando e dançando com o seu colorido traje de baiana ao jeito da foto que abre este post.
Foram criações suas “Mamã eu quero”, “Os quindins de Iá-Iá”, “Aguarela do Brasil”, “O tico-tico no fubá “ e tantas outras que não me ocorrem agora.
Talvez haja por aí quem ainda se recorde, por exemplo, desta que foi uma das mais divulgadas:

«O que é que a baiana tem?
Tem torso de seda tem
Tem brinco de ouro tem
Colares de ouro tem
Tem bata rendada tem
Tem saia engomada tem
Sandália enfeitada tem
Tem pano da Costa tem
Pulseira de ouro tem
E tem graça como ninguém...!»

M.A.

4 comentários:

Quica disse...

Foi das primeiras artistas de nacionalidade portuguesa a ganhar fama internacional.
Li num jornal, que a Câmara de Marco de Canaveses, propôs à TAP que baptize um dos seus aviões com o nome da artista, esta autarquia aguarda resposta da transportadora aérea.

mjf disse...

Olá!
Foi sem duvida uma figura de destaque do nosso meio artistico
;=)

Beijocas
Boa semana

Rosa M. disse...

O maior fan da Carmen Miranda que eu conheci foi o meu avô. Aliás, os meus 2 avôs que discutiam entre eles qual era mesmo o maior fan. Isto é muito engraçada, ler agora este teu post. Acredita que até me emocionei.
Jinhos :))

M.A. disse...

Rosa M.
Esse tipo de emoção, que a fez regressar uns anos atrás, neste caso à recordação logo dos dois avôs,até deve ter sabido bem...

MJF
Concordo plenamente!

Quica:
Desconhecia essa petição da C.M de Marco de Canavezes à Tap. Seria uma homenagem bastante justa.

Bem haja às tres.M.A.

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização