Como tudo começou

21/02/09

NÃO HÁ BELA, SEM SENÃO…


Num p.p.s. que me foi enviado por um amigo, encontrei esta construção que achei bastante curiosa e, veio-me logo à ideia mostrá-la aos leitores. Não sei a quem pertence, mas tenho que felicitar quem, usando a imaginação, aproveitou o espaço entre estes dois blocos de granito para ali construir o que, presumo ser, um original cantinho de lazer.
Pela foto, parece-me um local isolado, propício ao repouso ou, até, quem sabe, onde alguém, se refugia para ler, escrever, compor música ou pintar, por exemplo! Imagino também, esse alguém, no seu interior, junto a uma lareira acesa, num confortável cadeirão, aconchegado numa manta em patchwork, para, nos serões um tanto agrestes, a cena ficar mais convidativa…

Mas…há sempre uma dúvida que me acode ao pensamento quando estou perante uma casa destas:_ Então e o radão?
Para quem não sabe do que falo, direi simplesmente que é um gás radioactivo que se detecta em solos e zonas de grande concentração granítica, bem como, em construções onde esta mesma rocha foi usada. Não tem cheiro, cor ou sabor mas, é extremamente nocivo para a saúde. De poucos efeitos ao ar livre, torna-se muito perigoso concentrado, dentro das paredes de uma habitação, especialmente se ela estiver grande parte do tempo fechada e, a ser habitada, apenas esporadicamente. Liberta-se através do solo, pelas fundações e contamina inclusive a água das canalizações.

Esta radiação apenas se detecta com a medição feita por aparelhos próprios. Sei que a Deco tem (ou teve) um protocolo de colaboração com o Instituto Tecnológico Nuclear para fornecimento de um detector de radão, de custo pouco significativo, que dá já alguma informação. Trata-se de uma película que depois de exposta ao ar e revelada, indica a concentração média do radão na casa. Se for caso disso, já servirá para alertar e fazer partir para outras medidas de protecção.

Há anos, vi uma Exposição, na Faculdade de Ciências, em que, pela primeira vez, ouvi falar neste gás. Fiquei deveras impressionada com tudo o que lá observei. Não tenho casa em nenhuma zona de risco mas, este apontamento pode, eventualmente, servir de alerta para alguém que estando nesse caso, desconheça o assunto aqui falado.

M.A.

6 comentários:

Goldfinger disse...

Bom dia Fátima


Curioso que recebi há poucos dias um pequeno filme sobre casa feitas por entre as rochas, creio que em Espanha.
Por cá, e em Sintra, existem algumas casas que aproveitaram precisamente algumas rochas que servem de paredes interiores. Claro que são casas muito húmidas e lembro-me de uma em particular, que tive me venda, onde a água escorria parede abaixo.
Penso que seria nociva para a saúde e nunca mais soube se foi vendida ou não.

Um abraço

GOLDFINGER

mjf disse...

Olá!
Linda...de ser ver ;=9
Viver lá??? Não sei...

Beijocas
Bom fim de semana

Laura disse...

Olá. Uma coisa é certa, aquela casa nunca cairá no meio da maior tempestade, nem se deslocará ou será levada por uma enxurrada porque, está pegada a duas rochas com os pés bem assentes no chão!...
Nem fazia ideia desse gáz, claro que pode fazer mal, mas, também pode nem ser nada e viver-se ali lindamente...
Quem me dera uma assim, com uma vista fabulosa.. Beijinhos e lembro-te que, de que! de que! de que?.... dia 23 é segunda feira, ahhhh que bommmmmm.
laura.

pedro oliveira disse...

Imagem fantástica e tem toda a razão em relação ao gás.
bom resto de semana.
Gostei também muito das facas de papel.

M.A. disse...

Obrigada a todos os que deram atenção ao post e também aos que deixaram comentários. Sempre que chegue informação semelhante até nós, sentiremos ser nossa obrigação divulgá-la para proveito de todos.Neste caso, penso que há forma de fazer determinado isolamento interior das paredes das casas impeditivo do radão. Pelo menos, o arejamento das habitações já beneficia quem lá more! Voltem sempre.

Quica disse...

Admiro a coragem de quem vive em zonas tão isoladas. Sempre que vou para o Algarve e avisto uma casinha ao longe no monte, penso sempre, como é possível não ter medo de tanta solidão.
Quanto ao gás que o granito liberta, foi bom esse alerta. Tenho amigos que reconstruiram casas de granito. Vou dar esta informação.

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização