Como tudo começou

07/11/09

IGREJA DE BRAVÃES


Hoje, iremos com os leitores até ao Minho, ao concelho de Ponte da Barca, onde há uma freguesia e lugar com o nome de Bravães. Ali se encontra um templo românico que começou por fazer parte de um antigo mosteiro beneditino e, nos dias de hoje, está transformado na Igreja Paroquial de Bravães.


video


Mas, melhor do que tudo aquilo que eu viesse aqui contar, falam as bonitas imagens que o nosso caro amigo F. Andrade captou deste templo e que, aqui apresentamos, transformadas em vídeo. Chamo, igualmente, a atenção para a música que ele escolheu para as acompanhar.
Na Net encontramos este texto bastante interessante que nos descreve, em pormenor, tão importante obra-prima da arte românica, muito justamente, considerada já, desde 1911, Monumento Nacional.

Fazemos questão ainda de mostrar uma foto, que retiramos daqui, e que representa um exemplo de civismo bastante invulgar nos tempos que correm. É de um letreiro afixado numa das portas do templo de que falamos e que, convida ao franco e imediato acesso todos os visitantes. Oxalá nunca se verifique por lá nenhum acto de vandalismo que obrigue a alterar esta situação, colocando uma chave na porta…

Este post vai dedicado, em especial, à amiga Fátima, cujas raízes familiares se situam no Minho e do qual é uma eterna apaixonada. Espero que goste de rever este cantinho da sua terra.

Agradecimentos ao F. Andrade pelo pps e ao Fernando pela conversão em vídeo.

M.A.

4 comentários:

Quica disse...

Lindissíma, vou enviar esta imagem para a minha irmã.

elvira carvalho disse...

Linda. Mas será seguro estar assim aberta? Com tantos roubos de arte sacra.
Um abraço e Bom Domingo

Fatima disse...

Amélia esta igreja é linda. Já lá estive umas quantas vezes, a ultima das quais há 3 anos, para a minha filha fazer um trabalho sobre ela.

Um dia mostro-lhe esse trabalho!

Obrigada pelo post

M.A. disse...

Quica, Elvira Carvalho e Fátima:
Pelo menos num ponto estamos todas de acordo, o de que esta igreja é realmente bonita. Oxalá quem aqui tenha vindo a este post ficasse com a mesma ideia e possa, um dia, ir vê-la ao Minho. Quanto ao comentário da Elvira diremos que foi precisamente com o intuito de salientar o civismo dos visitantes que publicamos este cartaz. Pelo menos até agora tudo tem corrido bem. Voltem sempre.

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização