Como tudo começou

21/03/11

HÁ TEATRO NA SIMECQ


Para quem ainda o não saiba, ou ande um tanto distraído com estas coisas, o Grupo de Teatro da Simecq tem em cena o seu terceiro espectáculo.
Ele está integrado nas comemorações dos 130 da Colectividade e recebeu por título «Três Séculos, uma vida, uma obra»
Cremos que o título foi muito bem escolhido pois, a Simecq bem se pode orgulhar de ter efectivamente construído uma obra.

Pouco a pouco, dia a dia, ano a ano, isso foi acontecendo e basta sentir o entusiasmo dos jovens que por ali vão passando, para que a esperança no futuro, dos que agora lideram os destinos desta casa não esmoreça e acreditem que virão a ter dignos sucessores.

Mas falemos, especialmente, do espectáculo a que tivemos o prazer de assistir no passado sábado. Ele foi como que o ensaio geral, destinado à gente da casa, que de alguma forma tenha participado.
Uma sequência de quadros, uns humorísticos, outros mais sérios, várias danças e cantares rebuscados em récitas antigas, outras mais actuais, foram mantendo a assistência interessada e divertida.
Alternando com o que se passava no palco, num ecran instalado na sala, iam aparecendo imagens de homens e mulheres que fundaram esta casa e, depois, durante várias gerações a desenvolveram e fizeram dela o que hoje ela é.
Ao mesmo tempo ouviam-se explicações sobre o que aparecia e, mostravam-se também fotografias bem curiosas. Daqueles que lá vimos, muitos já estão desaparecidos…outros, ainda por cá e, felizmente, capazes de fazer muito, muito mais!

Foi muito bonito ver gente nova e outra … «assim nem tanto», ombro a ombro, naquele palco, representando o papel que lhe fora distribuído, com idêntico entusiasmo e competência. Juramos ter visto na assistência gente da cabelos brancos entoando algumas das canções que ali passaram, sinal de que ainda as não tinham esquecido!

Foi igualmente bonito ouvir descrever a Simecq, em rima, duma forma magistral, fazendo a sua comparação com uma mulher!
Falar em nomes, não o iremos fazer porque esquecer alguém é sempre injusto e, de modo algum, desejamos fazê-lo. Para todos, sem excepção, de novo o nosso aplauso e desejos de longa vida nesta arte de Talma.

Fica agora o convite a quantos nos leiam para virem até à Simecq no serão de cada um dos Sábados próximos.
Acreditem que não se vão arrepender e regressarão a casa, como connosco aconteceu, com um sorriso no rosto, sinal de umas horas bem passadas, na companhia de gente boa.

Para vos abrir o apetite ficam umas fotos que fizemos no espectáculo. A que abre o post mostra O Grupo de Teatro da Simecq e vem no programa do espectáculo.
M.A.

3 comentários:

Tété disse...

Como já prometi, lá irei para recordar um dos pilares que tanto ajudaram a suportar a minha vida.
Abraços
Teresa

Quica disse...

Vale a pena assistir a mais uma peça que este grupo de teatro representa. Esta é especial, retrata a longa vida desta Colectividade, 130 anos. Não imaginamos as horas de trabalho de todo este elenco, para que no dia da estreia tudo saia direitinho.

Obrigada a todos que se empenharam na sua realização e pelos momentos bons que nos vão proporcionar, a estreia é no dia 26 de Março e todos os sábados às 21,30H a peça estará em cena.

A nossa repórter deste Blog M.A., está sempre atenta e como não podia deixar passar um momento tão importante na SIMECQ, deve-se a ela as fotografias do post.

vajofrey disse...

keep posting like this it’s really very good idea, you are awesome!

paxil

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização