Como tudo começou

11/09/08

O MUSEU DA FARMÁCIA

(Clique para ampliar)

Em 1998, o museu criado pela vontade dos farmacêuticos recebeu o Prémio de melhor Museu Português; Em 2002, o Prémio de Melhor Design de Comunicação; em Maio de 2004 foi proposto pelo European Museum Fórum.

O Museu de Farmácia sito no Alto de Santa Catarina,(Rua Marechal Saldanha, nº 1), em Lisboa, foi inaugurado em Junho de 1996 e expõe ao público uma vasta e diversificada colecção sobre a História da saúde no Mundo ao longo de mais de cinco mil anos. Numa visita guiada, para começar, “percorre-se” a área dedicada à Farmácia em Portugal.

A iniciar a digressão temos a reconstituição de três farmácias. A primeira de Paço de Sousa, do Sec XVIII, com inúmeros nichos e prateleiras com exemplares da faiança portuguesa de farmácia na época.

Depois, uma farmácia da segunda metade do Sec XIX, de madeira policroma, constituída por duas áreas distintas de épocas diferentes, com um balcão, com balaustrada.

Segue-se uma outra do início do Sec. XX, muito sóbria na decoração, onde quase só aparece o símbolo da palmeira e de serpente, nas portas e em dois belos potes da Fábrica de Sacavém, dos anos cinquenta, em verde e ouro.

Na área dedicada à farmácia Militar estão expostas peças representativas da actividade do farmacêutico no suporte à vida do soldado português nos diversos palcos de guerra ao longo do Sec XX. Material de análises, farmácias portáteis, bolsas de primeiros socorros etc.

Temos depois a única farmácia chinesa exposta no mundo ocidental, oriunda de Macau e datada do final do Sec XX

Noutra área do museu “caminha-se” ao longo de cinco mil anos de história da farmácia no mundo. Desde as primitivas civilizações como o Egipto e Mesopotânea, passando pela Grécia, Roma, Povos Incas, Medicina Islâmica, Tradicional Tibetana, farmácia Medieval, Africana, Japonesa etc. etc. há um sem número de peças e informação, interessantes, que prendem o visitante.

A visita termina precisamente com a exibição das farmácias portáteis usadas no Space-Shuttle Endeavour, na última viagem do milénio, (Dezembro de 2000) e das amostras de experiências científicas no espaço para além de medicamentos da Estação Orbital Mir e comida para astronautas russos.

(Excerto e foto da Revista do Coleccionador)

Nota - Isto, é apenas um curto resumo daquilo que poderá encontrar neste museu, já que o tema é demasiado extenso para um apontamento deste género. Penso porém que seja o suficiente para criar no leitor o desejo de lá ir fazer uma visita e tomar conhecimento de tudo o mais.

M.A

3 comentários:

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

É uma vergonha, mas nunca lá fui.
Já apontei no meu Mouleskine!

EmmaTheias disse...

já visitei e adorei!
bem merece os prémios que lhe foram atribuídos.

Francisca disse...

Este museu fica no Alto de Sta. Catarina, será perto do miradouro de Sta. Catarina?.
Se é, vale a pena ver o museu e disfrutar a paisagem, é uma das zonas mais bonitas de Lisboa.

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização