Como tudo começou

11/11/08

HÁ 90 ANOS FOI ASSINADO O ARMISTÍCIO DA 1ª GUERRA MUNDIAL

(Clique para ampliar)

“Acabou a guerra, acabou a guerra! Foi o grito unânime e vibrante de entusiasmo, louco de alegria que reboou no dia 11 por toda a cidade, ao saber-se que o Século afixara, no seu placard e nos placards das suas sucursaes, o radiograma recebida às 10 horas sobre a assinatura do armistício que, finalmente se realizara às 5 horas da madrugada d’esse dia. Pouco tempo depois de afixada esta sensacionalíssima notícia, pela qual havia três dias que o paiz esperava, devorado de anciedade, 27 automóveis levaram-na, desde o coração da cidade até aos seus bairros mais afastados, rodopiando até por vielas, por onde nunca tinha passado auto algum, em duas centenas de exemplares de suplementos ao número do Século, registando em duas edições sucessivas a celebração do armistício e as principais bases em que ficara assente.”

Esta é uma transcrição exacta, (respeitando a ortografia da época) do princípio da página da “Ilustração Portuguesa” onde se anunciava a assinatura do armistício da Primeira Guerra Mundial. Este Armistício é chamado de Compiègne, uma vez que foi na floresta com o mesmo nome, dentro de um vagão de comboio que, em 11 de Novembro de 1918, portanto há 90 anos, que o Marechal Foch pelos aliados e Mathias Erzberger como representante alemão, o assinaram.
As fotos que apresentamos são da mesma página da “Ilustração Portuguesa” e mostram a primeira, um dos carros do Século fazendo a distribuição da notícia, a outra, duas portuguesas, lendo com visível contentamento a notícia do fim das hostilidades.

M.A.

3 comentários:

pedro oliveira disse...

paarbéns pela lembrança, foi o único blog onde vi esta importante referência mundial.

M.A. disse...

Pedro Oliveira:
Também consideramos que seria importante assinalar esta data. Neste conflito mundial estiveram bastantes soldados portugueses a combater, em condições por vezes bem difíceis e, muitos, deixaram mesmo lá a vida. É pois importante que esta memória não se perca!
O Simecq Cultura agradece a visita e as suas palavras. Volte sempre.

Fatima disse...

A história é feita de factos. Não devemos esquecê-los. É obrigaçao de todos nós avivar as memórias.

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização