Como tudo começou

13/07/11

FERROS DE ENGOMAR III



A nossa colaboradora e amiga Fátima já teve, tempos atrás, a ideia de abordar este tema. Mais tarde, também eu falei nele. Como os nossos leitores se lembram, clicando aqui e aqui, de imediato tereis acesso à informação que uma e outra aqui deixamos. Acontece, porém que, recentemente, chegou às nossas mãos mais este vídeo que consideramos muito bom, em relação ao asunto em questão. Há nele curiosíssimas peças de colecção no que toca “a engenhocas”, destinadas ao alisar das peças de vestuário, usadas pelos nossos antepassados.
E leitores, imaginem, por momentos, quanta ralação e canseira seria precisa para, com alguns destes objectos levar a cabo a tarefa de engomar uma simples peça de roupa?



video




Enquanto os leitores vêem estas imagens prestem, por favor, atenção também, ao fundo musical que é um excerto do 2º andamento do Concerto nº 21, para piano e orquestra, de Mozart.
E, já agora, falando em especial com as leitoras, de cada vez que estiverdes a inserir a ficha do vosso moderno ferro de engomar (ou máquina eléctrica de engomar) numa tomada eléctrica para dar andamento ao cesto de roupa da semana, acabada de lavar, imaginai-vos, por momentos, a ter que fazê-lo com uma destas velharias nas mãos! Há razões de sobra para vos sentirdes privilegiadas pelo facto de viverdes nesta época…


M.A.

1 comentário:

Quica disse...

Verdadeiras peças de museu, mas quem tinha de os utilizar era não era um trabalho fácil.

Sociedade de Instrução Musical e Escolar Cruz Quebradense

Localização

Localização
Localização